São Miguel

A Polícia Civil desvendou um homicídio e uma tentativa de homicídio de dois jovens, fatos ocorridos no dia 24 de julho de 2021, no Povoado Bela Vista, no município de São Miguel, no Norte do Tocantins, e prendeu dois dos suspeitos pelo crime.

De acordo com o delegado-chefe da 16ª de São Miguel e responsável pelo caso, Antônio Bandeira, na data dos fatos, alguns jovens estavam em uma loja de conveniência do distrito de Bela Vista, onde também se encontrava outro grupo de rapazes.

“Ocorre que, em determinado momento, a vítima, Adriano Rodrigues da Conceição, de 20 anos, teria olhado algumas vezes em direção ao grupo de jovens, fato que teria irritado um dos autores”, disse o delegado.

As investigações da Polícia Civil apontaram que, em determinado momento, um dos autores saiu de sua mesa, foi em direção às vítimas e teria cochichado em seu ouvido que se ele não parecesse encará-los, ele seria morto.

“Assustado, a vítima falou com seus outros dois colegas e rapidamente deixou o local. Porém, eles foram seguidos pelos outros três homens, sendo que após se afastar uns trezentos metros da conveniência, as vítimas foram abordadas, momento em que o Adriano foi alvejado com vários disparos de arma de fogo e veio a óbito”, disse o delegado.

Na ocasião, outro jovem também foi baleado, mas sobreviveu ao ataque. Logo após o crime, a Polícia Civil do Tocantins deu início às investigações e, em pouco tempo, identificou os três suspeitos pelo homicídio e pela tentativa.

“Com o aprofundamento das investigações conseguimos individualizar as condutas dos três suspeitos e, assim, representamos pelas prisões preventivas dos três homens”, disse o delegado. Porém, os homens suspeitos pelos crimes acabaram não sendo encontrados, pois fugiram para outros estados.

Desse modo, as investigações foram intensificadas, sendo que os investigadores da 16ª DP, localizaram o paradeiro de um dos suspeitos na cidade de Campestre no Maranhão. Assim, com apoio da Polícia Militar daquela cidade, o indivíduo, de 25 anos, foi preso e se encontra à disposição do Poder Judiciário.

Em continuidade as buscas, as equipes da 16ª DP, localizaram, na cidade de São Bernardo do Campo, SP, o paradeiro do segundo envolvido nos crimes. Dessa forma, com apoio do setor de inteligência da Polícia Militar paulista, o indivíduo de 22 anos, foi preso e encontra-se a disposição do Poder Judiciário do Tocantins.

Os dois indivíduos devem ser recambiados ao Estado do Tocantins, para que respondam pelos crimes que são suspeitos de praticar. Segundo o delegado Antônio Bandeira, a completa elucidação do crime é uma resposta satisfatória da Polícia Civil do Tocantins a toda a comunidade de São Miguel do Tocantins.

“Trata-se de crimes graves e que abalaram o pequeno distrito de Bela Vista, uma vez que foram praticados sem que houvesse uma motivação aparente, pelo simples fato de a vítima ter olhado para os investigados. Assim, a PC-TO cumpre mais uma vez sua missão institucional de investigar e identificar os autores, para que os mesmos possam responder na Justiça pelos crimes dos quais são suspeitos de cometer”, disse o delegado.

Comentários do Facebook