Foto Ilustrativa / Divulgação

Um homem de 33 anos, suspeito de praticar um crime de homicídio, na cidade de Goiatins, no ano de 2010, foi preso pela Polícia Civil do Tocantins, durante operação realizada na manhã desta sexta-feira, 14, na zona rural de Dueré. Suspeito de matar, a tiros, um fazendeiro, o homem foi capturado, mediante cumprimento a mandado de prisão preventiva, expedido pela Vara Criminal da Comarca de Goiatins.

Deflagrada por policiais civis da 3ª Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa de Gurupi (3.ª DHPP), a ação que resultou na captura do foragido ocorreu às 8h quando os investigadores localizaram o paradeiro do homem em uma fazenda, na zona rural de Dueré.

De acordo com o Delegado Titular da Divisão, Hélio Domingos de Assis Alves, às investigações que levam a localização do foragido, tiveram início quando os policiais civis da 3.ª DHPP obtiveram informações de que um homem suspeito de homicídio estaria residindo em Dueré. “Com base nas informações e também, após receber uma cópia do mandado judicial, diligenciamos e conseguimos constatar a veracidade dos fatos”, disse o delegado.

Após ser capturado, o homem foi conduzido até a Central de Atendimento da Polícia Civil de Gurupi, onde o Delegado deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva em desfavor do acusado. Em seguida, ele foi submetido aos exames cautelares de praxe e logo após, encaminhado à Casa de Prisão Provisória de Gurupi, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

O crime

Segundo apontaram as investigações da Polícia Civil, no dia 16 de outubro de 2010, a vítima, Zifirino Correia da Silva, um fazendeiro de Goiatins, e o suspeito, conhecido como “Manin do Quirino” estavam em uma residência na fazenda da vítima, jogando baralho e ingerindo bebida alcoólica.

Na ocasião, eles também acompanhavam uma partida de futebol pelo rádio, quando, por volta das 18h40, os dois homens se desentenderam, supostamente, por causa do jogo. Desse modo, Manin do Quirino se armou com uma espingarda calibre 28 e efetuou um disparo que atingiu o tórax de Zifirino, o qual ficou gravemente ferido. Socorrida ao hospital, a vítima acabou não resistindo aos ferimentos e veio a óbito.

Fuga

Após praticar o crime, o acusado não foi mais encontrado. Expedido o mandado de prisão preventiva, a Polícia Civil passou a diligenciar em busca do autor, o qual foi localizado e preso pela equipe da 3ª DHP/Gurupi na manhã de hoje.

Comentários do Facebook