Após receber uma denúncia de roubo na madrugada desta sexta-feira, 03, na zona rural de Guaraí, a Polícia Militar conseguiu agir prontamente e deteve dois dos quatro suspeitos. O veículo roubado, um GOL, foi recuperado, bem como diversos objeto oriundo do roubo. Também foram apreendidos com os criminosos  três tabletes de maconha, duas armas e munições.Dois suspeitos continuam foragidos, sendo procurados pela polícia.

O fato que ocorreu por volta de 1:00, via central, os policiais militares foram informados de que um senhor havia sido roubado por criminosos em uma fazenda localizada na zona rural do município. Segundo o relato, ele foi rendido por quatro criminosos armados, que o ameaçaram, levando seu veículo e diversos objetos da propriedade.

Diante da denúncia, imediatamente as equipes da PM se deslocaram até a fazenda e iniciaram as diligências pela região. Durante o patrulhamento, avistaram nas proximidades da Rodoviária de Guaraí o veículo VW GOL, cor branca, com as mesmas características mencionadas pela vítima.

Foi dada a ordem de parada, todavia, os ocupantes do veículo ao perceberem a viatura policial, efetuaram disparos de arma de fogo contra os militares. Um dos disparos chegou a atingir a antena do rádio transmissor da viatura.

Os autores bateram o carro num canteiro da rodoviária e empreenderam fuga, sendo que, um deles, um homem de 25 anos, foi capturado numa borracharia próxima do local. Já de manhã, o segundo envolvido foi capturado próximo a um hotel da cidade.

Dos quatro bandidos que efetuaram o roubo, dois autores foram capturados e dois estão foragidos, mas já foram identificados. No interior do carro foram localizados vários objetos oriundos do roubo pertencentes às vítimas. Os militares apreenderam ainda três tabletes de maconha, duas armas longas, tipo espingarda, e várias munições de calibre .22.

Os autores e os objetos do crime foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil, onde foram autuados em fragrante delito pelo crime tipificado no art. 157 do Código Penal. Um dos infratores já tinha mandado de prisão em aberto e a quadrilha é suspeita de praticar outros roubos em propriedades rurais nas cidades de Rio Sono, Palmas e região de Guaraí.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.