A Polícia Civil prendeu nesta terça-feira (7) um homem atualmente com 63 anos de idade. Ele estava foragido há uma década suspeito de estuprar a própria sobrinha. O crime foi registrado em Arraias, no sudeste do Tocantins e os investigadores descobriram que o homem passou este tempo todo escondido na zona rural da mesma cidade em que o crime ocorreu.

De acordo com a delegada Vanusa, a equipe da Delegacia Especializada tomou conhecimento de que o indivíduo acima mencionado havia estuprado sua própria sobrinha em 2010. Na época do crime, a menor tinha apenas dez anos de idade. Desse modo, os policiais intensificaram as investigações e constataram a veracidade dos fatos, sendo que a autoridade policial representou, junto ao Poder Judiciário, pela prisão do indivíduo, a qual foi deferida.

De posse da ordem judicial, os policiais deram início às diligências e localizaram o investigado na zona rural de Arraias. Ao avistar os policiais, o suspeito ainda tentou fugir, mas foi contido, preso e conduzido até a sede da DEAM-V, onde a autoridade policial deu cumprimento a mandado de prisão que se encontrava em aberto. Após a realização das providências legais cabíveis, o indivíduo foi recolhido à carceragem da Cadeia Pública Municipal, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Comentários do Facebook