Nesta sexta-feira, 17, foi realizada ação policial integrada que contou com a participação do Comando de Operações de Divisas (COD) da PMGO, DENARC da Polícia Civil do Tocantins, Polícia Rodoviária Federal, GAECO do Ministério Públco do Tocantins e Comando de Operações de Divisas da PMTO, culminou na prisão de quato traficantes, dentre eles o líder de rentável esquema criminoso que chegava a produzir 100.000 cartelas de comprimidos e gerar aproximadamente cinco milhões de reais por ciclo produtivo.

A investigação teve início há aproximadamente 08 meses e foi deflagrada na cidade de São Valério – TO denominada  Operação ”Nobésio”. O título da Operação faz referência ao nome estampado nas cartelas da droga, comercializada principalmente nas rodovias, para motoristas e caminhoneiros. Um laboratório de drogas sintéticas, localizado em local ermo e de difícil acesso, em Zona Rural, foi desativado. A droga ilícita ali produzida era comercializada principalmente nos Estados de Goiás, Tocantins e Pará.

De posse das informações repassadas pelas equipes de inteligência da operação, equipes do COD de Goiás e do Tocantins localizaram e abordaram no setor de Chácaras, na cidade de Peixe – TO, o alvo da operação, apontado como químico responsável pela produção e armazenamento de ribites de uma das maiores quadrinhas fabricantes de anfetaminas do centro-norte no país.

No local com o suspeito foi apreendido um revólver calibre 32, com três munições intactas. O abordado alegou ser o responsável pela produção, porém quem guardava os insumos seria seu irmão e que levaria as equipes até o local de guarda e armazenamento dos insumos para produção. No local apontado, o autor confirmou participação na organização criminosa, porém com ele foi encontrado apenas um espingarda calibre 32 com cartucho na camara a pronto emprego. O suposto líder da quadrilha já havia sido localizado e abordado pelas equipes do DENARC/TO, PRF, COD e GAECO. Durante essa abordagem na zona rural da cidade de São Valério do Tocantins, foi localizado em posse do autor, uma máquina para fabricação de ribites, insumos, frascos para acondicionamento, e farto material para fabricação da droga.

Todos os envolvidos, objetos e drogas apreendidos, foram conduzidos pelas equipes de COD TO/GO, Denarc, PRF, GAECO e apresentados a autoridade policial da cidade de Alvorada – TO. Foram apreendidos 03 armas de fogo, sendo 02 revólveres e 01 arma longa, maquinário completo, insumos e farto material para a fabricação de anfetaminas (rebite) e milhares de comprimidos de “rebites”.

Comentários do Facebook