Estima-se que mais de 900 mil brasileiros são indígenas. Estes estão divididos em aproximadamente 3000 mil etnias e falam 274 idiomas distintos. No Tocantins, a população indígena é de 13.233 pessoas, distribuídas em 82 aldeias, sendo três famílias linguísticas: Akwe (Xerente), Timbira (Apinajé, Krahô e Krahô-Kanela) e Indy (Karajá, Javaé e Xambioá).
Com o objetivo de celebrar os costumes e a cultura dos primeiros habitantes do Brasil, anualmente, desde 1943, no dia 19 de abril comemora-se o Dia do Índio. Na data, criada a partir da necessidade de se pensar de que modo vivem os primeiros habitantes do Brasil, o deputado federal Vicentinho Júnior, destacou a importância de desenvolver políticas públicas efetivas para estes povos.
Em seu primeiro mandato, Vicentinho Júnior, entregou um caminhão para atender os indígenas de Tocantínia. Uma caminhonete para atender as Aldeia Xambioá e Carajás, em Araguaína; Uma caminhonete para atender as Aldeias Javaés, Carajás, e Avacanoeiros, na Ilha do Bananal; Uma caminhonete para a Aldeia Kraho, em Itacajá e outra para a Aldeia Apinajé, em Tocantinópolis. Os benefícios entregues pelo deputado totalizaram R$ 625 mil reais.
Este ano, com emendas do deputado federal Vicentinho Júnior a Funai de Palmas adquiriu duas caminhonetes no valor de R$300 mil. De acordo com o coordenador regional da Funai, Eduardo Macedo, Vicentinho Júnior tem trabalhado para levar melhorias junto às comunidades indígenas. “Estes veículos auxiliam para que os servidores da Funai possam ir às aldeias. São profissionais de diversas áreas que acompanham e orientam as famílias indígenas.
O parlamentar frisou que os indígenas não podem ser lembrados apenas em 19 de abril, mas que buscando reconhecer a importância destes povos, trabalha diariamente para destinar de recursos a estas comunidades. “Nos próximos anos não será diferente, trabalharemos para que os indígenas tenham acesso à saúde, educação, infraestrutura, lazer e tantos outros benefícios”, concluiu o parlamentar.
Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.