A Polícia Civil deu cumprimento na tarde desta segunda-feira, 16, ao mandado de prisão preventiva de um homem indiciado pela prática do delito de estupro de vulnerável contra uma criança de seis anos de idade ocorrido em Caseara Tocantins. O abuso teria acontecido no dia 26 de outubro de 2019 em residência do município.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com as investigações, com o objetivo de praticar relações sexuais, o indiciado teria aliciado a criança, que é sua sobrinha, comprando-lhe doces e uma boneca. O abuso teria ocorrido, inclusive, na presença do filho de dois anos do suposto autor, que evadiu-se da cidade tão logo foram iniciadas as investigações.

Conforme explica o delegado de Caseara, Antônio Onofre, o inquérito sobre o caso foi concluído e o homem foi indiciado pelo crime de Estupro de Vulnerável previsto no art. 217-A, do Código Penal. Dessa forma, a Autoridade Policial representou pela prisão preventiva em virtude da fuga do investigado, que foi deferida pelo Poder Judiciário da Comarca de Araguacema, com a conseqüente expedição do mandado de prisão em desfavor do suposto Autor.

Segundo o Delegado, ao tomar conhecimento do paradeiro do suposto autor em fevereiro deste ano, a 54ª DP empreendeu diligências no Estado do Pará para efetuar a captura, porém em virtude de ter sido avisado da ação policial, o investigado fugiu novamente. Contudo, nesta segunda-feira, 16, a Polícia Civil logrou êxito na captura após o sujeito resolver se entregar na companhia de um advogado. O suposto Autor foi preso e recolhido à Cadeia pública de Araguacema-TO, onde está agora à disposição do Poder Judiciário.

Comentários do Facebook