Na foto: Campus da Unitins em Palmas/ (Vivianni Asevedo/Ascom Unitins)

A Universidade Estadual do Tocantins (Unitins) iniciou 2020 em clima de comemoração dos seus 30 anos de criação e pleno funcionamento. A instituição foi criada em fevereiro de 1990 e nessas três décadas já diplomou cerca de 90 mil profissionais em todas as áreas de conhecimento e de todas as regiões do país.

Para celebrar o aniversário da instituição, a Reitoria e a Assessoria de Comunicação prepararam uma campanha especial que marcará o ano e se apresenta com o objetivo de destacar o papel histórico desempenhado pela primeira universidade do Estado, que nasceu nos primeiros anos de implantação do Tocantins e se mantém como uma instituição vocacionada para o desenvolvimento regional.

O reitor Augusto Rezende explica que a campanha tem como objetivo marcar a data evidenciando a importância da Unitins para a sociedade tocantinense nestas três décadas. “Os 30 anos da Unitins são uma marca muito importante que não poderíamos deixar de comemorar e que acompanha a própria trajetória do Estado”, ressalta o reitor.

A campanha contempla produções audiovisuais, divulgações nas redes sociais oficiais da instituição, eventos e outras ações, explica a assessora de comunicação da Unitins, Charlyne Sueste, destacando a colaboração e dedicação dos servidores da Diretoria de TV e Rádio da Unitins, vinculada à Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários, na produção dos vídeos especiais.

 “Desde o ano passado estamos trabalhando nessa campanha, produzindo, gravando os vídeos, planejando as ações e eventos. No dia 1º de janeiro lançamos a marca dos 30 anos, que será trabalhada em toda a campanha de comemoração. No dia 06 de janeiro começamos a divulgação dos vídeos da série ‘Unitins – 30 anos’. Enfim, a programação contempla inúmeras ações com abrangência em todas as plataformas disponíveis”, explica Charlyne.

O reitor revela que dentro da programação das comemorações dos 30 está prevista uma cerimônia especial a ser realizada no Palácio Araguaia com homenagens, lançamentos e apresentação da trajetória da Unitins nestes 30 anos. Ainda como parte das festividades há, também, a inauguração do novo câmpus da Universidade, em Paraíso do Tocantins, que marca também a retomada do projeto de expansão da Unitins, resultado de um planejamento executado pela atual gestão com apoio fundamental do Governo do Estado e de parlamentares do Tocantins.

Augusto Rezende ressalta que a Unitins tem conseguido atualmente bons resultados nas avaliações da qualidade dos serviços prestados, com destaque para o avanço significativo do Índice Geral dos Cursos (IGC) pelo segundo ano consecutivo com nota três, “porque fomos capazes de tomar medidas com base nesse histórico, ações que permitiram corrigir as deficiências e potencializar aquilo que vinha dando certo”.

Série “Unitins – 30 anos”

Já está no ar a primeira ação audiovisual da campanha, a série de vídeo “Unitins 30 anos”, produzida pela emissora de TV da Universidade em parceria com a Assessoria de Comunicação. A série conta com depoimentos de acadêmicos, egressos, docentes, servidores técnicos e personalidades marcantes dessas três décadas da Unitins.

A primeira fase da série terá cerca de 12 episódios, sendo divulgado um por semana no Portal da instituição, na emissora de TV da Unitins e nas demais mídias sociais (Instagram, Facebook, YouTube, Twitter, LinkedIn, WhatsApp), e aborda histórias de vida e de comunidades que foram transformadas por meio da Universidade. Já a segunda fase da série terá como foco a história da Unitins, momentos importantes nesses 30 anos relembrados por quem vivenciou e participou das inúmeras lutas e conquistas da instituição.

O primeiro episódio da série trouxe como personagens os irmãos Letícia e Gustavo Marquardt, ambos do curso de Engenharia Agronômica/Câmpus Palmas. Ela acadêmica e ele egresso. Gustavo, além da profissão, encontrou na Unitins o seu grande amor e ainda foi inspiração para irmã, que também já concluiu a graduação. O segundo episódio mostrou a trajetória de sucesso do jovem Wesley Gonçalves, egresso do curso de Administração/Câmpus Dianópolis, que antes mesmo de concluir o curso já estava empregado, com inserção na sua área de atuação. Conquista que ele atribui à boa formação que obteve na Unitins.

O terceiro vídeo apresentou a história da enfermeira Kássia Karolyne Oliveira, egressa da primeira turma de Enfermagem do Câmpus Augustinópolis. No vídeo ela destaca a importância da Unitins no Bico do Papagaio para o desenvolvimento da região e da comunidade. O quarto vídeo mostrou a história do Leocivan e de sua mãe, a dona Tereza. Ele é egresso do curso de Letras do Câmpus Araguatins e na vídeo eles relatam as dificuldades superadas para a realização do sonho de ver o jovem formado.

Nesta segunda-feira, 03 de fevereiro, a Unitins lançou o quinto episódio da série. Dessa vez os personagens são Onivaldo e Kelly, pai e filha que estudaram e se formaram juntos em Direito no Câmpus Dianópolis. A importância da Universidade Estadual mais uma vez fica demostrada na capacidade de transformação do contexto social, cultural e econômico da comunidade.

Já com engajamento entre a comunidade acadêmica, há a ansiedade pelos próximos episódios. “Há uma certa ansiedade pelos próximos episódios, nosso público quer saber quem é o próximo personagem, ou de onde vem a próxima história”, conta a assessora de Comunicação.

Histórico

A Unitins, a primeira universidade do Tocantins, foi criada no segundo ano de implantação do Estado pelo Decreto 252 editado em fevereiro de 1990. Em fevereiro de 2020 completa 30 anos de funcionamento. Neste período passou por várias mudanças, cedeu sua estrutura para criação da Universidade Federal do Tocantins (UFT) e recomeçou do zero. Atualmente possui cinco câmpus: Araguatins, Augustinópolis, Dianópolis, Palmas e Paraíso do Tocantins.

Em 30 anos de funcionamento a Unitins acumula conquistas importantes nas áreas do ensino, pesquisa e extensão, tendo formado quase 90 mil profissionais em todas as áreas do conhecimento – modalidades presencial, EaD, UAB, Regime Especial – e se tornado uma instituição indispensável ao desenvolvimento sustentável do Estado.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.