Tabocão - Foto: Internet

A Polícia Civil do Tocantins prendeu na quinta-feira, 7, em Tabocão, um homem de 29 anos de idade. Ele é suspeito pela prática do crime de estupro de vulnerável e foi capturado, mediante cumprimento a mandado de prisão preventiva, expedido pela Vara Criminal da Comarca de Guaraí, Norte do Tocantins.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com o delegado-chefe da 5ª DEAMV, Andreson Alves, a ação foi deflagrada depois que a Polícia Civil tomou conhecimento de que uma criança de 11 anos havia saído de uma construção abandonada no município de Tabocão, juntamente com o seu padrasto. Desse modo, diligências foram realizadas para que a autoria, bem como a materialidade do crime de estupro de vulnerável fossem confirmadas, sendo identificado como autor o padrasto da vítima, um homem de 29 anos.

Após a identificação do autor e a prova, por meio de laudo de conjunção carnal, que atestou que, de fato, a criança havia sido estuprada, e testemunhas, de que o crime havia ocorrido e a criança já estava sendo vítima já há algum tempo, a autoridade policial representou, junto ao Poder Judiciário, pela prisão preventiva do suspeito, sendo a mesma deferida e cumprida nesta quinta-feira.

Ao ser interrogado, o suspeito confessou o crime e disse ainda que já havia abusado sexualmente da criança em outras oportunidades quando ambos residiam em uma fazenda na zona rural de Tabocão. Depois de cumprido o respectivo mandado, e após a realização das providências legais cabíveis, o suspeito foi recolhido à Casa de Prisão Provisória de Guaraí e agora se encontra à disposição da justiça.

Comentários do Facebook