Plenário Deputado Sebastião Borba, da Câmara Municipal de Miracema
Plenário Deputado Sebastião Borba, da Câmara Municipal de Miracema

Na manhã de sábado, 7 de dezembro, o deputado José Geraldo (PTB) marcou presença na sessão em Miracema, que nesta data em especial comemora a transferência da primeira capital do estado.

Devido o decreto que estabelece a transferência dos três Poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário) à cidade que serviu como sede do governo no início da criação do Tocantins, durante a construção de Palmas, todos os anos, Miracema se torna Capital por um dia. A data marca o dia em que o município foi escolhido como capital provisória, pelo então presidente da República, José Sarney, em 1988.

A sessão aconteceu no plenário Deputado Sebastião Borba, da Câmara Municipal e foi presidida pelo presidente da Assembleia Legislativa Sandoval Cardoso (SDD) e contou com as presenças do governador do estado, Siqueira Campos (PSDB), do vice-governador, João Oliveira (DEM) da prefeita de Miracema, Magda Borba (PR) e do presidente da Câmara Alberane Borba (PSDB), entre outras autoridades. Na sessão solene o tema principal dos discursos foram as conquistas econômicas e sociais do Tocantins, bem como, fatos históricos da criação do Estado.

Em seu discurso, José Geraldo elogiou o governador Siqueira Campos, referindo-o como: “A história viva do Tocantins. Com sua ousadia, enquanto deputado federal, nosso governador propôs a emenda que criou o Estado do Tocantins, e até hoje faz muito por nossa terra. Trazendo os recursos do Prodoeste, levando as máquinas para os campos, revolucionando as escolas com equipamentos e transformando-as em escolas de tempo integral, enfim, são tantos feitos, que só temos a agradecer esse trabalho intenso e bonito de servir a população e trabalhar em prol dos 139 municípios do nosso Tocantins”, finalizou o parlamentar parabenizando os miracemenses e a todos que contribuíram com esta luta.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.