Três dos cinco envolvidos no assassinato do jornalista Mateus Júnior foram condenados pela justiça na última semana, a decisão é do juiz Francisco de Assis Gomes Coelho.

Os assassinos foram enquadrados nos crimes de latrocínio (roubo seguido de morte) e ocultação de cadáver.

As penas: Bráulio Breendon Gonçalves Alencar condenado a 21 anos e 30 dias de detenção; Thiago Cruz Alencar a 23 anos e 3 meses de reclusão e Ronie Von Pereira da Silva a 21 anos e 30 dias de reclusão.

Já as duas mulheres que estavam juntas com o trio no dia do crime foram soltas, mesmo após o Ministério Público Estadual pedir a manutenção de suas prisões. Jaqueline Ferreira Gomes e Jackeline Cleia Araújo receberam alvarás de soltura, o juiz ressaltou que não há provas contra elas. Não subsistem provas colhidas sob o contraditório, repito, com a qualidade de sedimentar o juízo condenatório relativamente ao crime de roubo imputado às denunciadas, falou o juiz na sua decisão.

Reclusão x Detenção

A pena de reclusão é aplicada a condenações mais severas, o regime de cumprimento pode ser fechado, semi-aberto ou aberto, e normalmente é cumprida em estabelecimentos de segurança máxima ou media.

A detenção é aplicada para condenações mais leves e não admite que o inicio do cumprimento seja no regime fechado. Em regra a detenção é cumprida no regime semi-aberto, em estabelecimentos menos rigorosos como colônias agrícolas, industriais ou similares, ou no regime aberto, nas casas de albergado ou estabelecimento adequados.

Entenda o caso

O copo de Mateus Júnior foi encontrado em uma estrada vicinal do município de Lajeado, à 65 km de Palmas, no dia 7 de setembro, após quatro dias desaparecido.

O laudo necroscópico constatou que o jornalista morreu por causa de uma lesão no pescoço, enforcado com um pedaço de pano.

jornalista Mateus Junior

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.