Duas pessoas foram atropeladas na marginal leste da rodovia TO-050, em Palmas, na manhã deste domingo, 12. Uma das vítimas é o médico Pedro Caldas, especialista em reprodução humana, que está em coma no Hospital Geral de Palmas. Testemunhas contaram que ele estava correndo às margens da pista, quando foi atingido. O impacto deixou o para-brisas do carro destruído.

A outra vítima é o médico Moacir Naoyuk Ito, ele estava ao lado de Caldas, treinando em uma bicicleta e teve ferimentos leves. Os dois são triatletas e corriam com um grupo de assessoria esportiva.

O acidente aconteceu por volta das 8h30 próximo ao Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Tocantins (Dertins).

Médico Pedro Caldas

Segundo a Polícia Militar, o carro que atingiu os dois era conduzido por uma jovem que apresentava sinais de embriaguez e não apresentou carteira de habilitação. Além disso, estaria com a pulseira de uma festa realizada durante a madrugada em Palmas. As informações também foram confirmadas pela Polícia Civil.

O médico Pedro Caldas sofreu traumatismo craniano e foi levado para o Hospital Geral de Palmas (HGP). De acordo coma a Secretaria de Saúde ele passou por cirurgia e está em coma, em estado gravíssimo. Durante a tarde, ele foi transferido para um hospital particular da capital.

A motorista do carro foi levada para a Central de Flagrantes da Polícia Civil, onde pagou fiança de R$ 3 mil e foi liberada para responder em liberdade. (G1)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.