Foram capacitados 14, produtores rurais do Assentamento Pontal das Estrelas no município de Araguaçu, através do programa Negócio Certo Rural (NCR). O programa é desenvolvido em parceria do SENAR com o Sebrae e capacita produtores na gestão de pequenas propriedades rurais, ao longo de 46 horas de treinamento. Os alunos aprendem sobre temas como: administração do negócio em relação com o mercado e elaboração de plano de negócio da propriedade rural.  A capacitação foi realizada em parceria com o Sindicato Rural de Araguaçu, através do seu presidente Carlos Ribeiro Soares.

Segundo a instrutora, Zootecnista, Andriana Tombini Peris, foi muito gratificante ver a transformação comportamental dos participantes ao término do curso, onde os mesmos demonstraram intensa valorização pelo aprendizado. “A capacitação na área gerencial é um diferencial na abordagem desenvolvida pelo programa, já que ao longo do curso o agricultor ou pecuarista desenvolve um plano para aprimoramento de suas atividades”. Ressalta Andriana.

“A nossa metodologia aplicada possibilita aos participantes reações motivacionais, e neste curso foi notória a constatação de mudanças imediatas de comportamento relacionadas a gestão da propriedade, a missão do SENAR é capacitar os profissionais com uma linguagem acessível e também com uma consultoria na sua propriedade”, destacou a instrutora.

Segundo o Presidente do Sindicato Rural de Araguaçu Carlos Ribeiro Soares, o curso traz benefícios e transformações para todos os envolvidos. “É uma via de mão dupla: o SENAR ganha porque leva educação e profissionalização para as pessoas do campo, pois é nossa missão; o produtor ganha porque se capacita e se profissionaliza, obtendo mais oportunidades de melhorias dos resultados e consequentemente, a sociedade também se beneficia, pois com mais produção eficiente, teremos mais demanda e menor preço para a população”. Declarou o presidente.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.