Acusados
Acusados

Na noite de terça, 29, a Polícia Militar em Augustinópolis, desarticulou uma ação de organização criminosa.

A guarnição avistou um veículo com placas de São Luiz-MA, estacionado próximo a residência do gerente da Agência dos Correios de Augustinópolis e desconfiou. Ao abordar os dois indivíduos que estavam no carro,  os policiais identificaram que se tratava de José Lucas Nunes Silva de 25 anos e Fabiano Morais dos Santos de 26 anos, ambos de Imperatriz-MA.

Eles portavam um Revólver calibre 38, da marca Taurus, com numeração HM83588, quatro aparelhos de celulares, munições intactas, além de um papel em que estava anotado o número da placa da motocicleta pertencente ao referido gerente.

Os indivíduos confessaram o intuito criminoso de sequestrar a esposa do gerente dos correios local e obrigar o gerente a entregar a eles dinheiro da agência em troca da liberdade da esposa, crime conhecido como “Sapatinho”.  Em seguida delataram outros envolvidos, que estavam hospedados num Dormitório da cidade.

Após diligências, a polícia militar localizou Charlielson Pereira da Silva de 28 anos, que portava um revólver calibre 38 com numeração raspada e dois celulares. Outro indivíduo conhecido apenas como “Lipe” (“Loirinho”) conseguiu se evadir do estabelecimento onde estava alojado.

Mais de 20 policiais militares realizaram cerco e bloqueio na área urbana da cidade, afim de capturar o fugitivo. A PM conseguiu capturar o mototaxista, Mauri de Sousa Morais de 24 anos, que confessou ter sido contratado para sair de Imperatriz-MA e buscar ‘Lipe’ em Augustinópolis-TO.  Todos os envolvidos foram conduzidos à Delegacia da Polícia Civil de Augustinópolis, onde foram atuados por crime de organização criminosa.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.