Inúmeras falhas foram identificadas na prestação de contas da Câmara de Vereadores de Colinas, exercício financeiro de 2012. Dentre os problemas, estão: contratação de decoração natalina sem observar a regularidade social da empresa, irregularidade na aquisição de material elétrico para decoração natalina, bem como de cesta natalina para distribuição, além de divulgação em jornal sem comprovar liquidação da despesa e contração de serviço de buffet com bebida alcóolica.

Em virtude desses agravos, os responsáveis, à época, foram imputados em débito e multados. O ex-gestor da casa, José Laurindo Sobrinho Júnior, terá que devolver aos cofres municipais o montante de R$ 29.668,63, além de multa em 5% do valor atualizado do dano causado ao erário; para a vereadora Cleidimar Maria Lima do Espírito Santo, foi imputado débito no valor de R$ 1.800,00; para o vereador Ricardo Alves de Sousa no valor de R$ 435,00; e para a vereadora Maria Jucineusa R. M. Assis, imputação de R$ 729,60.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.