Deputada Valderez

No projeto sancionado pelo governador Marcelo Miranda, nesta terça-feira, 10, que autoriza o Governo do Tocantins a contrair empréstimo no valor de R$ 453.240.000, junto à Caixa Econômica Federal, a deputada estadual Valderez Castelo Branco conseguiu incluir R$ 12 milhões para pavimentação asfáltica de trecho da TO-423 ligando a cidade de Araguaína ao Povoado Mato Verde, no município de Babaçulândia.

A obra é uma luta antiga da deputada Valderez, que já havia incluído o asfaltamento da mesma rodovia nos orçamentos de 2016 e 2017, e que agora conseguiu a inclusão no projeto de financiamento autorizado pela Assembleia.

A TO-423 liga Araguaína à TO-424 que segue até a cidade de Babaçulândia. A rodovia a ser pavimentada ajudará no escoamento da produção e trará mais segurança a quem trafega na região, em especial chacareiros e produtores rurais. “Teremos muitos ganhos econômicos e ainda encurtaremos a distância entre Araguaína e Babaçulândia”, justifica Valderez.

Na fase de discussões do empréstimo, Valderez apoiou a destinação de R$ 141.780.000 para obras de pavimentação urbana em todo o estado, sendo R$ 1,020 milhão para cada município tocantinense. Esses recursos são frutos de articulação da Assembleia e do Governo do Tocantins. “O governador foi sensível ao pleito dos municípios e autorizou o remanejamento de recursos para atender a todos”, disse a deputada. A deputada também indicou R$ 3 milhões para pavimentação urbana em 12 municípios tocantinenses.

Obras para todo o Estado

O financiamento junto à Caixa prevê ainda obras estruturantes e de grande alcance social como a construção das unidades habitacionais; construção do Batalhão Militar Rodoviário e Divisas – BPMRED; a continuidade do Hospital Geral de Gurupi – HGG; implantação e pavimentação da rodovia TO-365, entre Gurupi e o Povoado Trevo da Praia; pavimentação da TO-225, que liga o município de Lagoa da Confusão à Barreira da Cruz, divisa com a ilha do Bananal.

TO-222

O projeto sancionado pelo governador Marcelo Miranda contemplou com R$ 41 milhões a duplicação da TO-222, entre Araguaína e o Povoado Novo Horizonte. Valderez esclarece que lutou para a manutenção do valor original de R$ 86,5 milhões, mas que por decisão da maioria da Casa acabou sendo reduzido. “Vamos trabalhar para completar os recursos para a duplicação da rodovia como foi projetada, por meio de nossa bancada federal tocantinense em Brasília”, concluiu a parlamentar.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.