Durante o evento, Claudia Lelis realizou diversos contatos com empresários interessados em investir no Tocantins
Durante o evento, Claudia Lelis realizou diversos contatos com
empresários interessados em investir no Tocantins

O diretor da empresa brasileira Kaeté Investimentos, especializada em projetos relacionados ao desenvolvimento sustentável, com sede em São Paulo, Luiz Fernando Laranja, demonstrou interesse em estreitar a parceria com o Tocantins visando à área ambiental, com projetos de sustentabilidade.

O empresário esteve reunido com a vice-governadora, Claudia Lelis, durante a assinatura do programa MoU Under 2, que aconteceu no Dia da Amazônia, evento organizado pelo estado do Acre, dentro da programação da Expo Milão 2015, no último final de semana.

Claudia Lelis realizou diversos contatos com empresários brasileiros, europeus e americanos que estavam participando do evento onde apresentou um vídeo sobre o Tocantins e destacou o potencial de investimentos do Estado, lembrando a preocupação em crescer economicamente preservando seus recursos naturais.

Já o diretor de investimentos da Embratur, Marco Antonio Lomanto,  que também participou da Expo Milão, em reunião com Claudia Lelis, reforçou a parceria do órgão para a realização dos Jogos Mundiais Indígenas, em outubro, em Palmas e também no desenvolvimento turístico do Tocantins. A vice-governadora aproveitou a oportunidade e convidou oficialmente o embaixador do Brasil na Itália, Paulo Cordeiro, para uma visita ao Tocantins ainda esse ano para conhecer o potencial econômico e turístico do Tocantins. Claudia Lelis, em nome do governador Marcelo Miranda, convidou a todos para a abertura oficial dos Jogos Mundiais dos Povos Indígenas (JMI), em outubro.

Mou Under 2

A adesão do Tocantins ao programa MoU Under 2 – Memorando de Entendimento, cujo objetivo é a contribuição para redução da emissão dos gases de efeito estufa até o ano de 2030 – que teve início na Califórnia, nos Estados Unidos, ganhou elogios da representante do Governo da Califórnia, Loiuse Bedsworth.

A americana enalteceu a postura do Estado nas propostas apresentadas. “O Tocantins está de parabéns pelas iniciativas para reduzir o efeito estufa e por aderir ao protocolo”, disse Loiuse. Com a meta de reduzir, em até 40%, o desmatamento ilegal no cerrado tocantinense até 2018 e investimentos de R$ 44 milhões para adequação ambiental de mais de 80 mil propriedades rurais, o Tocantins foi destaque entre os estados da região Norte que participaram do evento.

“A assinatura desta carta só reforça o compromisso do Governo do Estado em criar mecanismos institucionais e empresariais que deem suporte à exploração sustentável e justa da nossa biodiversidade. Além desse importante compromisso, as reuniões e contatos realizados durante essa missão internacional irão contribuir para futuras parcerias com investidores internacionais”, destacou a vice-governadora, acrescentando que os empresários estão interessados em investir sempre buscando a compensação ambiental, e nisso, o Tocantins pode contribuir muito.

Claudia Lelis participou do evento organizado pelo estado do Acre dentro da programação da Expo Milão 2015, na Itália, a convite do governo acreano, sem ônus para o Tocantins. Além de Claudia Lelis, participaram do evento, os governadores do Acre, Tião Viana; de Rondônia, Confúcio Moura; e empresários do Acre e da região Norte do País, dos ramos de piscicultura, avicultura, madeira e frutas, bem como gestores da área ambiental.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.