No final da tarde da última quarta-feira, 23, policiais civis da Delegacia de Miracema do Tocantins, comandados pelo delegado regional Clecyws Antônio de Castro Alves, deram cumprimento a dois mandados de prisão, naquele município, os quais resultaram na prisão de Gilliard Borges da Silva, de 35 anos, o qual é suspeito de cometer um crime de roubo à mão armada e Eliana Nunes da Silva, de 23 anos, que é foragida da Unidade Prisional Feminina de Palmas, onde cumpria pena por tráfico de drogas.

De acordo com o delegado, no dia 23 de maio de 2015, dois homens portando armas de fogo praticaram um roubo a um estabelecimento comercial de Miracema, de onde subtraíram R$4500,00, em dinheiro, além de joias e aparelho celulares. Após o crime, os investigadores da Polícia Civil deram início às investigações e conseguiram reunir evidências que comprovam o envolvimento de Gilliard no roubo. Diante dos fatos, o delegado representou, junto ao Poder Judiciário, pela prisão preventiva do suspeito, a qual foi deferida pelo juízo da Comarca de Miracema.

De posse do Mandado de Prisão, os Policiais Civis passaram a monitorar os movimentos de Gilliard e, no final da tarde da quarta-feira, o localizaram e o prenderam, quando o mesmo se encontrava em um bar, localizado no Setor Novo Horizonte. Ao ser abordado, o homem ainda estava de posse do aparelho celular roubado da proprietária do comércio, no dia do roubo.  Ainda conforme o delegado, Gilliard é contumaz na prática de furtos e roubos, na cidade é considerado um elemento de alta periculosidade.

Logo após a prisão do indivíduo, os Policiais Civis foram até casa em que ele estava antes de ir para o bar, e lá localizaram a foragida da Justiça Eliana, sendo que também a prenderam em cumprimento de Mandado de Prisão. Eliana é, atualmente, amásia de Gilliard e havia sido presa, há aproximadamente 2 anos pela Polícia Civil de Miracema, por crime de Tráfico de Drogas e cumpria sua reprimenda no Presídio Feminino de Palmas/TO, mas fugiu após ser transferida para o regime semiaberto.

Após os procedimentos cabíveis, Gilliard foi recolhido à carceragem da Cadeia Pública de Miracema, onde ficará à disposição do Poder Judiciário e Eliana foi encaminhada a Unidade Prisional Feminina de Palmas, onde terminará de cumprir sua pena.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.