Francisco Oliveira da Silva, 40 anos, morreu após ser baleado com uma espingarda pelo próprio sogro, Raimundo Vieira da Silva. O crime aconteceu nesta sexta-feira, 3, no assentamento São Silvestre, em Augustinópolis, norte do estado.

A polícia informou que foi chamada ao local porque Francisco estaria agredindo e ameaçando a própria esposa. Quem acionou a equipe foi a mãe da mulher.

Quando a polícia chegou, o casal já tinha ido embora do lugar. Os policias orientaram a família a ligar novamente caso o Francisco voltasse a agredir a esposa.

Após 40 minutos, a mãe da mulher ligou de novo para os policias e informou que Francisco tinha voltado para casa. No local, a esposa dele estaria quebrando coisas por causa da denúncia.

Francisco teria ameaçado e empurrado o próprio sogro, que atirou contra o genro. O homem foi atingindo no tórax e morreu no local.

O sogro fugiu em seguida. A polícia fez buscas para tentar localizá-lo, mas não o encontrou. A perícia e o IML estiveram local. (G1)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.