O governador e candidato à reeleição, Mauro Carlesse (PHS), reafirmou neste sábado, 25, que vai resgatar os direitos adquiridos pelos policiais militares do Tocantins.
“Minha meta é resgatar todos os direitos adquiridos que não foram honrados. Lógico que vamos fazer com responsabilidade, com diálogo com a corporação, e principalmente, quando firmarmos o compromisso, vamos cumprir integralmente. Pois esse é o nosso jeito de trabalhar, com planejamento, organização e seriedade”, afirmou o Governador.
Carlesse lembrou também que em seu plano de governo estão detalhadas as suas propostas para a corporação. De acordo com o documento, a valorização dos policiais é fundamental para garantir uma segurança com eficiência e voltada para a proteção das famílias e de toda a sociedade.
No plano, o governador estabelece como meta, por exemplo, o aparelhamento físico e tecnológico que garanta poder de enfrentamento ao crime, aumento do efetivo e cumprimento de todos os direitos dos policiais militares.
“A aquisição de armamentos adequados e de equipamentos de suporte logístico serão frequentes em nossa gestão. As promoções previstas em lei serão obedecidas rigorosamente e, tão logo seja resolvida a questão do concurso público, daremos prosseguimento às etapas seguintes para a inclusão de novos integrantes ao atual efetivo”, prevê o plano de governo de Carlesse.
Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.