O deputado estadual Paulo Mourão (PT) registrou sua candidatura ao Senado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), na tarde desta quarta-feira, dia 15, pela coligação Frente Alternativa (PT, PCdoB, PTB, PDT, REDE, PRTB, PSD e PV). O senadoriável estava acompanhado da sua suplente, Germana Pires (PC do B) do candidato ao senado Irajá Abreu (PSD)  do candidato a governador pela coligação, Márlon Reis (Rede) e seu vi-governador Zé Geraldo.

Na saída do TRE, Paulo Mourão falou sobre o momento político, ressaltando o sentimento profundo da sociedade de desesperança e desejo de mudança.  “Eu tenho a certeza de que se nós os políticos não fizermos uma reflexão profunda sobre o que é representar a sociedade, essa desaprovação e esse sentimento de abandono que a sociedade brasileira e o tocantinense sentem se aprofundará”, afirmou.

Paulo Mourão entende que é preciso que a classe política faça uma revisão de suas ações. “Eu tenho feito de tudo para demonstrar – ao longo de minha carreira política –que é preciso que a sociedade civil e a classe política, mudem suas atitudes para que possamos construir um país e o estado do Tocantins desenvolvido e justo socialmente”, declarou.

Paulo Mourão afirmou ainda que está com muita expectativa de que a classe política tocantinense possa representar melhor o seu povo, assim como deseja a sociedade. “Eu me encaixo nesse perfil e eu desejo isso, assim como a sociedade, temos que fazer mudanças profundas, tanto a forma de escolher um candidato, como esse candidato depois de eleito representar dignamente o seu povo e cumprir com seu papel”, reforça.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.