Ronaldo Dimas

O candidato a senador do PRB, César Halum, disse que estranhou a decisão do prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas (sem partido), de declarar apoio à candidatura do deputado federal Irajá Abreu (PSD). Halum contou que esteve na residência de Dimas nessa segunda-feira, 27, antes da solenidade de assinatura do convênio de R$ 45 milhões com a Caixa Econômica Federal, e os dois acertaram a aliança.

“O Dimas me disse que queria que eu colocasse uma emenda de R$ 10 milhões por ano para Araguaína nos oito anos do meu mandato e eu aceitei”, disse Halum.

Além disso, o candidato do PRB afirmou que estranha a declaração pelo fato de ter sido ele o autor das emendas para construção da Via Lago, hoje o principal ponto de lazer de Araguaína, e ainda ter sido “quem mais” trabalhou, ao lado deputado federal Lázaro Botelho (PP), pela destinação dos R$ 45 milhões da emenda de bancada para a cidade. “O Irajá trabalhou contra essa emenda para Araguaína, queria que fosse para Gurupi”, afirmou Halum.

Ele, contudo, disse que respeita a decisão do prefeito, mas acredita na população araguainense. “O povo de Araguaína me conhece, sabe que nunca envergonhei a cidade e estou à altura de representá-la”, avaliou Halum. “Jamais seria irresponsável para divulgar algo que não estava definido”, concluiu sobre a nota de sua assessoria confirmando o apoio de Dimas, negado em seguida pelo prefeito. (Cleber Toledo)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.