Há muito tempo, os moradores do bairro Itaipu, em Araguaína, sonham com o fim da poeira na seca e a lama no período chuvoso. Essa é uma realidade que está com dias contados para acabar. A segunda mais importante cidade do Tocantins, Araguaína, a 368 km de Palmas, vem recebendo importantes investimentos para a consolidação da sua infraestrutura viária e benfeitorias que fortalecem o desenvolvimento do município.

Apesar da difícil situação econômica pela qual passa o Estado, o Governo vem buscando atender às necessidades e às demandas da população tocantinense. No bairro Itaipu, o Governo está executando 84 mil m² em serviços de pavimentação urbana, drenagem pluvial, mobilidade, acessibilidade e sinalização viária. Os recursos, em torno de R$ 9,6 milhões, foram alocados em convênio com a Caixa Econômica Federal, por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do Governo Federal.

De acordo com o diretor de conservação rodoviária do Departamento de Estradas e Rodagem (Dertins), Manoel Lúcio Ruiz Filho, 17 % da obra no bairro já foi executada, desde a assinatura da Ordem de Serviço, no dia 1º de julho, pelo governador Marcelo Miranda.

Lourival Medrado, servidor do órgão na regional de Araguaína é quem fiscaliza a obra. Segundo ele, a previsão é de que em dez dias a empresa comece a etapa de pavimentação. Na fase atual, a empresa executora dos serviços está implantando a rede de drenagem em algumas ruas, em outras está fazendo terraplenagem e em paralelo, outras ruas já estão sendo cobertas com cascalho para compactação da base da rua.

“O governador Marcelo Miranda fica muito feliz em poder dar a sua parcela de contribuição para o desenvolvimento do município de Araguaína, as pessoas acreditaram em nós, fizemos o compromisso e agora estamos executando a obra, levando mais infraestrutura, qualidade de vida e mais benefícios à nossa população. Nosso trabalho já está dando resultados, estamos fazendo a nossa parte”, disse o secretário de Estado da Infraestrutura e presidente do Dertins, Sérgio Leão.

Investimentos

Ao todo, serão mais de 170 mil m² em pavimentação urbana, drenagem pluvial, mobilidade, acessibilidade e sinalização viária só na cidade de Araguaína. As obras somam mais de R$ 17 milhões em investimentos, sendo que cerca de 30% deste valor é contrapartida do Estado.

Quando a empresa terminar os trabalhos no bairro Itaipu, passará para o Setor Maracanã, onde serão pavimentados 90 mil m², que totalizam cerca de R$ 8 milhões em recursos. A previsão é que as obras sejam entregues num prazo de 18 meses, contados a partir da assinatura da Ordem de Serviços.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.