Durante o sorteio complementar realizado na tarde desta quinta-feira, 27, um total de 1.233 nomes foram sorteados para formação do cadastro reserva (CR) para contemplação de casas do Residencial Lago Azul, etapas 1, 3 e 4. Um total de 9.191 nomes foram colocados na urna para serem sorteados nos grupos de idoso, deficientes, 1 e 2. O CR é uma lista cujos nomes terão a possibilidade de conquistar o sonho da casa própria, mediante os sorteados forem sendo desaprovados pela Caixa, deixarem de entregar a documentação ou forem denunciados na Secretaria da Habitação.

De 294 nomes de idosos, 50 foram sorteados. Já o de deficientes, 276 nomes foram colocados na urna e 50 destes foram também sorteados. No grupo 1, seguiram para a urna 733 nomes e todos tiveram a sorte de compor a lista do CR. Já o grupo 2, dos 7.888 nomes, 400 deles foram sorteados na tarde de ontem.

Transparência

Em entrevista, o secretário Geraldo Silva informou que de 1.233 nomes, pelo menos 400 poderão ser chamados imediatamente. “A Prefeitura realizou todo o processo de forma transparente, publicando as listagens no Diário Oficial do Município; o sorteio contou com a participação da comunidade e também tivemos a presença da imprensa, garantindo dessa forma lisura em todas as etapas”, declarou Geraldo Silva.

 Sobre os critérios, o secretário da Habitação informou que os sorteados não podem ter renda superior a R$ 1.600,00, dívida com bancos e terem sido beneficiários de terras do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). Destacou também que a demora na entrega da documentação tem desclassificado muitas famílias.

Sorteados

Um dos 50 nomes do cadastro de reserva do grupo de idosos foi José Gomes de Sousa. O aposentado tem 70 anos, ao ver a possibilidade de conseguir realizar o grande sonho de mudar-se para a casa própria, ficou emocionado. “Estou muito alegre, alegre mesmo. Tenho fé em Deus que agora vou sair do aluguel e conseguir uma mulher para vivermos feliz, tanto eu, quanto ela na casa nova”, disse, parabenizando o modelo dos sorteios, que é feito de forma transparente.

Alane de Sousa Santos também foi uma das sorteadas no grupo 1, por preencher de quatro a seis critérios. Há meses ela espera conquistar o sonho de ter o próprio lar e já faz planos para a casa. “Estou muito feliz. Lá vai morar eu, meu esposo e minha filha pequena”, disse a dona de casa, acompanhada do padrasto e da avó.

Grupos

O grupo 1 é formado pelos cadastrados que preenchem de quatro a seis critérios; o grupo 2, pelos que possuem de zero a três critérios. A Prefeitura segue rigorosamente os critérios estipulados pelo Governo Federal.

Os critérios nacionais são: morar em área de risco, ter pessoa com deficiência na família e a família na qual a mulher seja a responsável familiar. No Município, o Conselho Municipal de Habitação instituiu ainda três critérios: titular ou cônjuge que tem idade igual ou acima de 30 anos, menor de 14 anos matriculado na rede pública de ensino (estadual e municipal) e ter entre dois ou mais filhos menores de 18 anos.

Trâmites

Após a divulgação dos aprovados, serão realizados os sorteio dos endereços, a assinatura do contrato e posteriormente a entrega das chaves. Os prazos são estabelecidos pela Caixa e a Habitação publicará no Diário Oficial da Prefeitura e no mural da Secretaria. Mais informações e denúncias quanto a irregularidades de sorteados podem ser feitas através do telefone: (63) 3411-5600.(Ascom)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.