Por volta das 21 horas desta sexta-feira, 21, a Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), da Polícia Civil de Araguaína, efetuou a prisão de Raquel Araújo Rodrigues, de 19 anos de idade, pela prática do crime de tráfico de drogas. A mulher foi presa, quando se encontrava no terminal rodoviário de Araguaína, prestes a embarcar em um ônibus com destino a Gurupi, no Sul do Estado.

Conforme o delegado José Anchieta, responsável pelo caso, no mês de junho de 2015, os policiais civis da Deic, efetuaram a prisão de Ronaldo Morais Silva, vulgo “Bob”, o qual mantinha um relacionamento amoroso com Raquel, que após a prisão do amante, passou a comercializar drogas em seu lugar. Depois de alguns dias de investigação, as equipes da Deic confirmaram que de fato, a mulher havia assumido o lugar do amante no comércio de entorpecentes e passaram a monitorar sua rotina.

Ao perceber que estava na iminência de ser presa, na noite desta sexta-feira, Raquel foi até o terminal rodoviário de Araguaína e, juntamente com seu filho de apenas dois anos de idade, tentava embarcar em um ônibus que a levaria até Gurupi para que, desta maneira pudesse fugir da polícia.  No entanto, os agentes já sabiam do plano de fuga e deslocaram-se até a rodoviária, onde fizeram à abordagem da mulher.

Os agentes da DEIC encontram em poder de Raquel, filme plástico e outros apetrechos utilizados para embalar e vender drogas, cerca de 20 gramas de maconha, que a mulher havia escondido na bolsa do bebê, além de um caderno com anotações do tráfico.  Diante dos fatos, Raquel foi conduzida à sede da Deic, onde foi autuada em flagrante por tráfico de drogas e, após os trâmites legais, foi encaminhada à Cadeia Feminina de Babaçulândia, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Nas últimas semanas, as equipes da DEIC de Araguaína, já efetuaram a prisão de várias pessoas envolvidas com tráfico de drogas e realizaram a apreensão de uma grande quantidade de entorpecentes. Segundo o delegado José Anchieta, o cerco ao tráfico de drogas e demais crimes será intensificado ainda mais. “Nosso propósito é identificar e prender todos aqueles que estejam envolvidos com o tráfico de drogas e a criminalidade em geral, em Araguaína”. “E para isso, os investigadores da DEIC estão nas ruas agindo com inteligência e estratégia a fim de tirar de circulação das ruas da nossa cidade, aqueles que insistem em agir a margem da lei”, pontuou.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.