Na noite desta sexta-feira,08, um idoso de 66 anos, identificado como João Batista Alves, foi preso pela Polícia Militar de Araguatins sob a acusação de ter atirado em um gato que estava no meio da rua. Segundo a denúncia anônima, feita através do 190, João saiu na porta da casa dele com uma espingarda do tipo “bate bucha”  e atirou contra o felino, atingindo-lhe o pescoço e uma das patas.

Quando a Polícia chegou ao local, encontrou o autor sentado na calçada e o bichano ferido na rua, daí passaram a indagá-lo acerca do ocorrido, sendo que ele negou o fato e que não sabe quem efetuou o disparo, inclusive sugerindo aos policiais que entrassem em sua residência para procurar a arma. Os militares, então, realizaram uma varredura pela casa e encontraram a espingarda escondida entre as folhas de uma bananeira no quintal, com uma espoleta deflagrada.

Diante das evidências, o idoso recebeu voz de prisão e foi conduzido à Delegacia de Polícia, onde foi autuado em flagrante delito por porte ilegal de arma de fogo e maus-tratos a animal. Já o gato foi resgatado por uma equipe da Polícia Ambiental, que irá providenciar tratamento ao animal.(Patrulha na Net)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.