Considerado um dos principais jogadores do Gurupi, o atacante e artilheiro Lourival está fora do jogo decisivo contra o Salgueiro, no próximo domingo pela oitava rodada do Brasileiro da Série D Grupo A-2.  Autor de três gols no campeonato, Lourival foi suspenso por duas partidas pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

É que na derrota do Camaleão do Sul para o Parnahyba (PI) por 2 x 1, no Piauí, pela quarta rodada, o jogador se envolveu em uma confusão com o atleta Barata, dos donos da casa, e ambos foram expulsos. Na ocasião, o árbitro da partida Yungo de Paiva Macedo, de Roraima, alegou na súmula que o atleta tocantinense deu uma cotovelada no oponente. E isso acabou prejudicando Lourival, que já havia ficado fora do jogo contra o Parnahyba (PI), em casa, mas retornou diante do Ypiranga (AP), em Macapá no último domingo e fez o gol da vitória. Lourival só poderá retornar ao time no último jogo contra o Maranhão, dia 25, em São Luís (MA).

Problemas

 Diante desse problema, o técnico do Gurupi, Glauber Souza, disse que agora não adianta chorar o leite derramado. Segundo ele, os jogadores são orientados para evitar serem expulsos até em razão do número reduzido de atletas que compõem o clube atualmente na competição, apenas 16 jogadores.
Para piorar, Souza não sabe quem irá escalar para o lugar de Lourival, já que o meia-atacante Ricardo Urubu, está no departamento médico tratando do tendão que está inflamado.
“O Ricardo não treinou essa semana e fica difícil colocá-lo em campo no domingo. Mas vamos ver o que vai dar para fazer”, disse resignado o treinador. E os problemas não param por aí. O zagueiro e volante Dentinho levou o terceiro amarelo e também está fora. O lateral-esquerdo Fernando, com uma torção no joelho esquerdo, também é dúvida e deve ficar fora, já que não participou dos treinos da semana. Mas as dúvidas e as soluções em relação ao time que enfrentará o Salgueiro serão definidas nesta sexta-feira, às 18 horas, no Estádio Resendão, quando o treinador realizará o coletivo apronto.

Público

Não só pela atual situação do Gurupi, que depende suas próprias forças para conquistar uma das duas vagas para a segunda fase, a diretoria está trazendo o ídolo eterno do Atlético Mineiro e de vários clubes pelo Brasil, o ex-atacante Dario, o Dadá Maravilha, para atrair o público no Resendão. Até agora o Camaleão do Sul ocupa a 25ª posição dos 39 times que disputam a Série D em média de público. O clube tocantinense tem média de 525 torcedores por jogo, perdendo para o Salgueiro, que é o segundo, e leva em seus jogos uma média de 6.704 torcedores. O líder desse ranking é o Central de Caruaru (PE) com 7.372 pagantes.

No Grupo A-2, o Parnahyba (PI) ocupa a 17ª posição com 965 torcedores, enquanto o Ypiranga é apenas o 37º colocado com 195 pagantes.A diretoria já colocou de forma antecipada mil ingressos em vários pontos de Gurupi, a partir desta sexta-feira, na Elos Calçados, Sil Sports, Beco do Pescador, Combate, Chevrofiat, Extra Gás setor Malvinas e Drogaria Nova Opção saída do Peixe. O torcedor que fizer a compra antecipada vai pagar R$ 15,00, mas se deixar para comprar na bilheteria, no dia do jogo o valor será de 30,00.

(Reinaldo Cisterna)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.