morte-para-moto-aquaticaDois jovens universitários morreram num acidente com uma moto aquática em Altamira, sudoeste do Pará. Segundo testemunhas, a moto aquática estava em alta velocidade teria batido numa pedra na noite de domingo (4), no Rio Xingu.

O casal Takuya Ozawa Júnior e Larissa Campos foram arremessados da moto aquática ao bater em uma pedra. Takuya, que era o piloto, bateu com a cabeça na pedra e morreu na hora, na noite de domingo (4). Larissa sofreu ferimentos e passou por cirurgia no Hospital Regional de Altamira, mas não resistiu.

Larissa foi transferida para Jacundá, sudeste do estado, onde moram os familiares da vítima. O rapaz está sendo velado em uma loja maçônica de Altamira. O corpo dele deve ser sepultado amanhã, às 10h.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.