A Unidade Móvel Saúde da Mulher irá percorrer os 24 municípios que compõem a Região de Saúde Bico do Papagaio. O agendamento para esses municípios foi pactuado durante a reunião da Comissão Intergestores Regional – CIR, nesta segunda e terça-feira, 26 e 27, em Esperantina.

A segunda Unidade Móvel iniciou os atendimentos na Região do Bico, no último dia 16, em Araguatins. A carreta realiza exames de mamografia, preventivo do colo do útero e ultrassonografia.

COAP

Durante a reunião os gestores municipais também debateram sobre a assinatura do Contrato Organizativo da Ação Pública da Saúde – Coap.

O Coap busca organização e integração das ações e serviços de saúde, visando a integralidade da assistência aos usuários. Além de possibilitar que as responsabilidades sejam pactuadas entre a gestão municipal, estadual e federal, definindo as metas de saúde necessárias à implementação das ações e serviços de saúde.

Serão pactuadas nesse contrato metas como, aumentar o numero de procedimentos ambulatoriais de media e alta complexidade, reduzir o numero de óbitos materno e infantil, ampliar os serviços hospitalares, ampliar o numero de unidades de saúde, reduzir o numero de óbitos nas internações por infarto, aumentar a cobertura do Serviço Móvel de Urgência – Samu, e muitas outras.

“Com a assinatura do contrato acredito que vai melhorar toda a rede de saúde, bem como a qualidade do atendimento e o acesso da população aos serviços de saúde” revela o secretario de saúde do município de Praia Norte, Iderlan Pinheiro.

Municípios

Os municípios que compõem a Região de Saúde do Bico do Papagaio são: Arguianópolis, Ananás, Angico, Araguatins, Augustinopolis, Axixá do Tocantins, Buriti, Cachoeirinha, Carrasco Bonito, Esperantina, Itaguatins, Luzinópolis, Maurilandia, Nazaré, Palmeiras do Tocantins, Praia Norte, Riachinho, Sampaio, Santa Tereza, São Bento, São Miguel, São Sebastião, Sitio Novo e Tocantinópolis.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.