rio tocantins
rio tocantins

Com o tema “Rio limpo- Sua atitude faz a diferença”, o Conselho Municipal de Meio Ambiente (COMMAM) de Imperatriz-MA, realiza no dia 22 de setembro a III Blitz Educativa, que orientará sobre a preservação do Rio Tocantins. A ação disponibiliza 80 vagas para voluntários. As inscrições já estão abertas por meio do telefone 91744332.

Podem se inscrever universitários, pesquisadores, jornalistas, estudantes e pessoas que se preocupam com as questões ambientais. Os voluntários devem colaborar como um agente em busca da preservação da margem do rio, segundo a presidente do Conselho, Ivanice Cândido. “Serão feitas pesquisas e documentários da ação, por isso a importância desses voluntários”, informa.

A saída será às 8h da manhã, do Porto da Balsa. O grupo navegará pelo Rio Tocantins para prestar esclarecimentos sobre a poluição e preservação do rio. “Daremos orientações a banhistas, barqueiros, comerciantes e pescadores quanto à importância de se cuidar do rio”, afirma Ivanice Cândido.

A ação terá a participação e contribuição do Exército Brasileiro (50º Bis), da Marinha do Brasil, Corpo de Bombeiros (3º GBM), além de membros do Conselho do Meio Ambiente. Em conjunto, eles devem constatar a degradação do rio causada pela ação das pessoas que jogam lixo dentro e nas proximidades do mesmo.

Projeto Cidade Limpa- A blitz educativa, realizada há 3 anos seguidos, foi uma da ações que originou o Projeto Cidade Limpa, que prevê ações para diminuir a quantidade de lixo e resíduos de construções nas ruas da cidade, em uma tentativa de resgate à paisagem de Imperatriz. Para isso, a campanha pretende, primeiramente, despertar a conscientização da população.

O rio e os riachos são prioridades do projeto, pois representam um grande risco à saúde da população pela quantidade de lixo que é jogada neles. “Vamos combater também os resíduos volumosos, que são esses materiais velhos que as pessoas não utilizam mais, como geladeiras, colchões, sofás. As pessoas jogam dentro de riachos. Todos os anos, a Secretaria de Infraestrutura faz a limpeza desses riachos, mas em dois meses já está tudo do mesmo jeito. Ele não é para ser jogado nos córregos”, finaliza Ivanice Cândido.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.