Teve início, nesta quarta-feira 29, no Colégio Militar de Palmas, o curso de capacitação do Sistema GERPOL, E-PROC e Delegacia Virtual. A atividade está sendo realizada pela polícia civil, através do Núcleo de Gestão de Sistemas de Informações e Procedimentos Policiais Civis (NGSIPP) e terá duração até a próxima sexta-feira, 31.

Nesta primeira etapa, devem ser capacitados 129 policiais civis da Diretoria de Polícia da Capital. Mas a intenção é que todos os policiais civis do Estado sejam beneficiados.

O chefe do Núcleo de Gestão de Sistemas, Ariosvandre Tavares, explicou que a finalidade do curso é capacitar os policiais civis a auxiliarem a população no uso da Delegacia Virtual, que estará disponível, em breve, no site da Secretaria de Segurança Pública (SSP).  O curso também está focando na atualização desses policiais sobre o Sistema Gerenciamento de Procedimentos Policiais (Gerpol).

Ariosvandre esclareceu, ainda, que com o uso desses sistemas, será possível que a polícia civil localize, com maior facilidade, ocorrências registradas há vários anos. Além disso, possibilitará o controle de produtividade profissional de cada policial. “Com isso, acreditamos que haverá maior agilidade no atendimento à população e seja aprimorado o processo de investigação criminal”, afirmou.

Para o agente de polícia, Adriano Chaves de Moraes, que está participando do curso, “esses sistemas são ferramentas importantes porque iremos utilizá-los diariamente para agilizarem as investigações, a confecção de Flagrantes, Boletins de Ocorrência e Termos Circunstanciados.

Os instrutores que estão ministrando o curso são Túlio Mota, Alziro Bernardes, Chislaine Cardoso, Giancarlo Guimarães e Ariosvandre Tavares.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.