Três pessoas morreram afogadas neste domingo (24) durante encontro de membros de uma igreja evangélica, às margens do rio Tocantins, entre Esperantina e São Sebastião, no norte do estado. Uma das vítimas é o pastor presidente da Assembleia de Deus-Madureira de Esperantina, Alpiniano Ferreira Campos, de 55 anos. Os adolescentes Fábio Carvalho da Conceição, de 15, e Maria Vitória Sousa Matos, de 13, também não resistiram.

Segundo testemunhas, um grupo da igreja estava no local pescando e tomando banho, quando duas adolescentes começaram a se afogar. O pastor e outras pessoas entraram na água para tentar salvá-las.

As duas meninas foram resgatadas. Porém, a adolescente Maria Vitória foi levada para o Hospital Regional de Augustinópolis em estado grave e não resistiu.

No momento em que o pastor Alpiniano resgatava uma das vítimas, ele afundou e não conseguiu voltar à margem. O corpo dele foi encontrado por volta de 8h desta segunda-feira. O adolescente Fábio que entrou na água para ajudar no resgate também não resistiu. Ele foi encontrado na noite de domingo.

A Secretaria Estadual da Educação, Juventude e Esportes emitiu nota lamentando a morte dos adolescentes. Eles eram estudantes do Colégio Estadual Ulisses Guimarães, de Esperantina.

O pastor Alpiniano Ferreira Campos, de 55 anos, será enterrado na tarde desta segunda-feira (25), por volta das 17h, em Darcinópolis.

Os adolescentes Fábio Carvalho da Conceição, de 15, e Maria Vitória Sousa Matos, de 13, foram enterrados nesta manhã, por volta das 9h, em Esperantina.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.