Num ano em que a palavra conscientização tem sido a tônica entre as escolas que pretendem contribuir para a diminuição nos índices de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, ações que envolvam alunos, professores e comunidade escolar se tornam importantes ferramentas de combate ao mosquito vetor de doenças como dengue, zika e chikungunya. Em Tocantinópolis, o Colégio Estadual José Carneiro de Brito implementou o projeto Meio Ambiente e Saúde, que tem como tema Aedes aegypti: é preciso combater.

Por meio de atividades como palestras, plantio de mudas, caminhadas educativas, gincanas e passeios de bicicleta, a escola envolve toda a comunidade no projeto e conscientiza os alunos sobre a importância de não dar espaço para o nascimento do mosquito. O projeto, que vem sendo desenvolvido desde o início do ano, é coordenado pelos professores Daniel Vieira de Morais e Gladson Neres Aires Gabriel e envolve alunos dos ensinos fundamental, médio e técnico.

“Desenvolvemos ações que promovam a cidadania, incentivando os estudantes para que atuem como multiplicadores nas práticas educativas, formando uma rede de mobilização que envolve a comunidade em medidas preventivas contra as doenças”, explicou Daniel.

As atividades começaram em sala de aula com pesquisas, discussões, orientações e encaminhamentos para fortalecer e dar suporte para a articulação das equipes que foram formadas pelos estudantes. Posteriormente, estão sendo realizadas as tarefas que envolvem a arborização da escola, palestras, caminhada de orientação da comunidade e gincana educativa.

A diretora do Colégio, Irene Sousa Morais, frisou a importância do projeto e ressaltou a adesão dos estudantes nas atividades propostas. “Destacamos como um sucesso a participação dos alunos, o trabalho em equipe e o apoio dos parceiros”, concluiu.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.