Durante patrulhamento na Rodovia TO-201, no município de Buriti do Tocantins-TO, na última sexta-feira, 29/05, uma equipe da Polícia Militar Ambiental do 2º Pelotão de Araguatins abordou um caminhão Bi-Trem, conduzido pelo Sr. Wagner Martinelli, 36 anos. Foi constatado que este transportava 48,30 metros cúbicos de madeira serrada, sendo apresentadas pelo condutor duas guias para o transporte do produto florestal até seu destino final. Porém, realizada consulta da documentação apresentada ficou constatado que as notas eram inexistentes, assim, o produto florestal foi apreendido juntamente com o caminhão, conforme preceitua a legislação ambiental vigente e transportado para o pátio da 4° CIPM. O condutor foi conduzido até a Delegacia de Polícia Civil para apresentação a autoridade policial e aplicação das providências cabíveis.

Ainda no dia 29, os policiais militares avistaram um senhor na TO-201, carregando um saco de fibra com um objeto aparentando ser uma espingarda. Ao ser abordado, o cidadão abandonou o saco e fugiu para o matagal próximo. O saco foi vistoriado e no interior foram encontradas duas espingardas tipo “bate-bucha”, de fabricação artesanal.  O autor não foi localizado e as armas de fogo foram recolhidas e encaminhadas para a Delegacia de Polícia Civil.

Já na região de Peixe, em atendimento a denúncia anônima de moradores do Projeto de Assentamento São José, a guarnição de Patrulhamento Ambiental localizou Jailton Francisco de Lima Filho, 39 anos, praticando a pesca de forma irregular. Com ele também foi apreendida uma espingarda cartucheira calibre 36 e dois cartuchos do mesmo calibre deflagrados. O autor e a arma foram encaminhados até a autoridade policial no município de Peixe para os procedimentos legais adequados.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.