Eduardo Siqueira Campos (PTB)
Eduardo Siqueira Campos (PTB)

O deputado estadual Eduardo Siqueira Campos (PTB) afirmou ao blog CT que vai ingressar com uma ação por injúria e difamação contra o cabo da Policia Militar Gilberto Nascimento, de Araguaína. O motivo é que Nascimento, segundo Eduardo, fez uma postagem num grupo de policiais no WhatsApp em que chama o deputado de “noiado” – drogado, na gíria policial – e “ladrão”.

A postagem foi feita logo após o pronunciamento dessa quinta-feira, 18, de Eduardo, na tribuna da Assembleia, sobre o aumento da violência em Araguaína. “Não critiquei o comando da PM na cidade e muito menos os policiais. Ao contrário, eu os defendi”, disse o deputado ao blog.

Contudo, ainda segundo o parlamentar, o cabo Nascimento seria marido da comandante do 2º Batalhão de Policia Militar, major Patrícia Murussi Leite, e teria se sentido atingido. Daí, o policial, no WhatsApp, postou o seguinte, sobre o pronunciamento, segundo Eduardo: “Um ladrão e noiado expondo problema de segurança pública…kkkkkkk Só posso rir diante disso”.

Para substanciar a ação, Eduardo foi ao cartório ainda nessa quinta-feira e fez uma Ata Notarial e agora se prepara para ingressar com a ação. “Não quero punição contra ele [Nascimento] no âmbito da PM, mas que responda por calúnia e difamação. Não sou contra a liberdade de expressão, mas o cabo atingiu a minha honra sem debater o mérito da questão”, defendeu o deputado.

Confira a postagem no WhatsApp:

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.