Durante assinatura da Ordem de Serviço, o gestor anunciou a reconstrução da Praça das Nações e obras para toda a cidade, inclusive para a região do Bairro JK

O prefeito Ronaldo Dimas assinou na manhã desta terça-feira, dia 16, a Ordem de Serviço para início das obras da Praça Carneiro do Guincho, no Bairro JK. No setor, segundo o prefeito, a praça, localizada em uma área de 7.327,70 m2, vai beneficiar uma média de 3.130 famílias com coreto para apresentações culturais, espaço para área para piquenique, convívio social, playground, pontos de parada, quadra de areia, academia ao ar livre, equipamentos de ginástica e musculação, vagas de estacionamento e, posteriormente, quiosques. A praça deve estar concluída em no máximo 90 dias.

O prefeito destacou durante seu discurso que a construção da praça no bairro faz parte do projeto de estruturação de praças municipais e é a concretização dos compromissos e metas desta gestão. Para a construção, segundo Dimas, serão investidos um total de R$ 492.267,67, garantidos através de uma parceria entre a Prefeitura e o Ministério das Cidades, graças a emenda parlamentar do ex-deputado federal Eduardo Gomes.

O equipamento público é uma antiga reivindicação da comunidade do bairro que se formou de um antigo acampamento de operários que construíam a BR-153. “A praça está praticamente no centro do bairro e vai ser o ponto de encontro para famílias e pessoas de uma forma geral. Acredito que vai ser um ganho muito importante para esta comunidade”, afirmou Dimas.

A expectativa é geral dos moradores. O aposentado Antônio José Batista já está com o brilho nos olhos para receber a praça. Ele, que tem 67 anos e há nove mora no bairro, sabe a importância do espaço para se exercitar diariamente. “O bairro é muito grande e estava mesmo precisando. Muitas pessoas idosas, assim como eu, que gostam de fazer algum tipo de atividade física vamos ter a oportunidade de fazer tudo isso aqui, perto de casa”, elogiou o aposentado.

Homenageado

O prefeito caracterizou o pioneiro Carneiro do Guincho como um “amigo com jeito agradável” e assegurou que a homenagem é “mais do que justa” apontando durante sua fala que o empresário “contribuiu para o desenvolvimento de nossa cidade”.

Para a filha do homenageado, Juliana Carneiro, saber que todo o trabalho do pai está sendo reconhecido por esta gestão é muito gratificante. “Sabemos que quem planta o bem, colhe o bem. Meu pai sempre foi um homem preocupado com a comunidade e seu principal foco era tirar os jovens da marginalidade. Nossa família está realizando um sonho que todos aguardávamos há anos”, disse.

Obras

Logo depois, o prefeito explicou que a licitação finalizada para a construção da Praça do Bairro JK é a mesma que vai garantir a reconstrução da Praça das Nações e está orçada em aproximadamente 1 milhão e meio de reais. “A Praça das Nações terá uma preparação diferente. Vamos retirar vendedores de veículos usados dali para o Detran e procederemos com obras no prazo de até 180 dias”, adiantou o prefeito.

Dimas anunciou que importantes obras vão cercar Araguaína nos próximos dias, inclusive fará uma recuperação geral no Bairro JK. Citou também que os próximos moradores a serem beneficiados com as obras da Prefeitura serão aqueles de setores como Araguaína Sul II, São João, Tereza Hilário Ribeiro, Setor Tocantins e Morada do Sol. “Estamos finalizando os projetos para aplicação de emendas parlamentares”, esclareceu o gestor.

Homenageado

A praça receberá o nome de Eurico da Costa Carneiro, popularmente conhecido como Carneiro do Guincho. Nascido em 24 de julho de 1947, natural de Carolina (MA).  Casado com Geralda Barbosa em 15 de julho de 1971, teve duas filhas: Juliane e Christiane Barbosa e sete netos. Esteve à frente do grupo dos Escoteiros de Araguaína, onde realizou vários trabalhos envolvidos com a cruz vermelha.

Foi chefe do departamento municipal de trânsito, administrador do Aeroporto Municipal, suplente de vereador e assumiu duas vezes o parlamento municipal. Foi professor de Educação Física, perito da Policia Civil do Tocantins e nos últimos 30 anos dedicava-se ao trabalho do ramo de Auto Socorro. Carneiro do Guincho não media esforços, para resgatar e salvar vidas, então se tornou um parceiro das polícias militar, civil, rodoviária e corpo de bombeiros, bem como realizava vários trabalhos comunitários. Homem de caráter, faleceu no dia 5 de março aos 64 anos, vítima de acidente de moto.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.