TSE desaprova contas do PR e é punido pelo TRE

O Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins desaprovou por unanimidade, em decisão no último dia 13 de março, as contas do diretório estadual do Partido da Republica referente ao exercício de 2014. A corte também suspendeu as contas do fundo partidário pelo período de dois meses.

A sigla descumpriu uma resolução do Tribunal Superior Eleitoral que impõe várias regras sobre a prestação de contas de responsabilidade dos partidos políticos com a justiça. O partido de Vicentinho desrespeitou também o artigo 37 da Lei nº 9.096/95 que dispõe sobre partidos políticos. Art. 37.  A desaprovação das contas do partido implicará exclusivamente a sanção de devolução da importância apontada como irregular, acrescida de multa de até 20% (vinte por cento).

O PR é presidido no Tocantins pelo Senador Vicentinho Alves, que é candidato a governador nas eleições suplementares que acontecerão no próximo dia 3 de junho. Durante todo o fim de semana o candidato cumpriu agenda na região norte do estado.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.