Kátia Abreu (PDT), candidata ao Governo do Tocantins na eleição suplementar de 3 de junho pela coligação Reconstruindo o Tocantins, passou todo a quarta-feira (23) em Araguaína onde realizou várias reuniões, concluindo com uma grande reunião à qual compareceram lideranças políticas e comunitárias de Araguaína e municípios vizinhos, representantes classistas e população em geral para ouvir as propostas da candidata e conhecerem seu plano de governo.

Kátia citou os R$ 26 milhões que levou para obras e outros benefícios para o município, sendo que o segundo colocado em alocação de recursos para Araguaína enviou apenas R$ 4 milhões, e disse que independente do apoio do prefeito, ela mantém o respeito. “Eu tenho respeito pelos prefeitos e como governadora, farei inúmeras parcerias com os municípios pois o que me importa é o bem estar do povo”, afirmou.

A candidata garantiu também que vai combater a violência e o tráfico de drogas, grandes problemas enfrentados pela população araguainense. “Como a legislação não permite fazer concursos nesses seis meses (de governo), vou entrar em entendimento com os policiais civis e militares para implantar o banco de horas e fazer remanejamentos para dobrar o efetivo nas ruas. Vamos acabar com o tráfico em Araguaína e no Tocantins”, garantiu.

Kátia também voltou a reafirmar que é uma vergonha que metade da população do Tocantins esteja abaixo da linha de pobreza ou passando fome e que milhares de pessoas sofram nas filas de espera por atendimento em saúde. “Sou mãe e avó e sei o que é o sofrimento por causa de um familiar doente. Vamos fazer mutirões de cirurgia e programas emergenciais de combate à fome e para dar novas perspectivas aos jovens e a toda a população. Serei uma governadora que será lembrada por ter transformado para melhor as vidas das pessoas”, concluiu.

Entre os muitos líderes que participaram da grande reunião em Araguaína estavam Ígor Cortez, Tom Lira, Terciliano Gomes, Joaquim Quinta Neto, Machadinho, Welington, Welington do Samu, Galvão, Benicio (Presidente do PSOL), Neto SOS, vice prefeito de Piraquê; Doca Batista , vereador de Piraquê; Hermano, ex vereador de Piraquê e João Goiano, ex-prefeito de Piraquê. Nesta quinta-feira (24), Kátia Abreu faz reuniões em Palmas e depois segue para a região Norte do estado.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.