Como resposta aos anseios da comunidade local, Colinas do Tocantins foi mais umas das cidades agraciadas com a implantação do Colégio da Polícia Militar – unidade X, instalado nas dependências do Colégio João XXIII. A cerimônia de lançamento do CPM aconteceu na tarde de quinta-feira, 23, por volta das 15h, na escola e contou com a presença da Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esportes, Adriana Aguiar, do chefe do estado maio da PM, coronel Marcelo Falcão Soares, representando o comandante geral, coronel PM Jaizon Veras Barbosa, do Prefeito de Colinas, Adriano Rabelo da Silva, da Diretora Regional de Educação de Colinas, Celeny Borges, dentre outras autoridades, alunos e comunidade.

A solenidade teve a participação da Fanfarra do CPM unidade III, da cidade de Araguaína, que também levou um pelotão de alunos para realização de apresentação de ordem unida, ressaltando a disciplina militar, fundamental para o sucesso dos colégios militares. Foi realizada ainda a apresentação dos uniformes utilizados pelos alunos, bem como seus adereços e significados.

Durante o evento, o chefe do estado maior da PM, coronel Falcão, juntamente com a secretária Adriana Aguiar, assinou o Termo de Cooperação Técnica, que regulamenta as devidas providências para inauguração da Unidade. Os presentes então visitaram as instalações do prédio.

O chefe do estado maior, coronel Falcão destacou em suas palavras os esforços de todos os envolvidos para que a implantação do CPM em Colinas se tornasse possível, mesmo diante das dificuldades. Disse aos pais que a PM se sente honrada em receber esse compromisso, de contribuir para a educação formação dos jovens. “Temos cerca de 4.500 alunos do CPM em todo estado, são 4500 famílias que recebem filhos com fortalecimento de caráter, de civismo de valores, aliados à parte pedagógica viabilizada pela SEDUC, de ótima qualidade. O sucesso alcançado em todas as unidades do CPM nas demais cidades com certeza também será alcançado em Colinas” falou coronel Falcão.

A secretária Adriana Aguiar acrescentou: “hoje é um dia histórico para a cidade de Colinas e para o Tocantins, vamos somar esforços para um futuro de jovens que com certeza alçarão voos muito altos. Agradeço a PM pela parceria de sucesso e as autoridades presentes”.

A unidade do CPM de Colinas funcionará em regime parcial, com 24 turmas, sendo 33 alunos matriculados. Para o ano letivo de 2019 serão oferecidas 230 vagas, a serem preenchidas por meio de processo seletivo. O edital será lançado no mês de outubro, as inscrições no mês de novembro, e as provas acontecem em dezembro de 2018.

A escolha do Colégio João XXIII

Mantido pela Ação Social Belém Brasília e Conveniado com a Secretaria de Estado da Educação Juventude e Esportes, o Colégio João XXIII foi fundado em 1969 pelo padre Rui Cavalcante Barboza. Ao longo do tempo o colégio tem se consolidado como uma instituição de ensino de destaque no Estado do Tocantins.

A escola possui as condições intelectuais e materiais apropriadas para a implantação da unidade militar, tais como Projeto Político Pedagógico reestruturado, fortalecimento e qualificação dos profissionais, investimentos em tecnologia e laboratórios de ciências e Informática, bem como uma biblioteca com um excelente acervo.

No esporte continua sendo destaque nas modalidades hoje desenvolvidas, nos eventos e competições que participa. O Colégio João XXIII conta hoje com 55 funcionários, sendo 30 professores e 25 no quadro administrativo.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.