imagem ilustrativa

Um homem tentou subornar o delegado de Campos Lindos, Adriano de Aguiar Carvalho, para não ser preso após ser flagrado agredindo a mulher no meio da rua. A agressão foi testemunhada por vizinhos e o marido levado para a delegacia. Quando chegou ao local, ele ofereceu R$ 2 mil para o delegado e um agente da Polícia Civil para que fosse liberado sem que o caso fosse registrado.

O delegado gravou a conversa no celular e além da acusação de agressão contra a companheira, o homem vai responder por corrupção ativa. Por envolver violência doméstica, o caso corre em segredo de Justiça e o nome do suspeito não foi divulgado. A Polícia Civil divulgou o áudio da tentativa de suborno.

O caso foi no último dia 10 de maio. Nesta segunda-feira (14), o juiz da comarca de Goiatins, que atende Campos Lindos, decidiu que o homem vai responder pelos dois crimes preso.

Na conversa, o delegado pergunta várias vezes sobre a proposta. O homem confirma a oferta e afirma que não fez nada com a mulher. Em seguida, ele recebe voz de prisão pelos dois crimes. O suspeito tenta argumentar que não fez nada, mas o delegado diz que ele terá que se explicar para o juiz. (G1)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.