Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra (MST) interditaram totalmente a BR-153, entre Fortaleza do Tabocão e Rio dos Bois, região norte do Tocantins, nesta terça-feira 10. Durante o ato, eles atearam fogo em pneus e galhadas. As informações são da Polícia Rodoviária Federal.

Nas faixas usadas durante o ato, eles cobram reforma agrária e manifestam apoio ao governo da presidente Dilma Rousseff, dizendo que “não vai ter golpe”. No local, sete policiais rodoviários federais tentam negociar o desbloqueio da rodovia.

O grupo é composto por cerca de 400 pessoas, segundo a PRF. Eles também derrubaram árvores para bloquear os dois sentidos da rodovia e impedir a passagem de veículos. O protesto iniciou por volta das 5h55 e ainda não terminou. Ao lado do local, fica o acampamento Olga Benário, do MST.

A pista foi liberada por volta das 17h, após cerca de 11h de bloqueio. Conforme a Polícia Rodiviária, o congestionamento passou de 3 km. (Como G1)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.