A presidenta Dilma Rousseff inaugurou neste sábado, 7, em Palmas, a sede da Embrapa Pesca e Aquicultura. Durante o seu discurso Dilma anunciou a criação da Universidade Federal do Araguaia.

Antes a Presidente ressaltou a importância do Tocantins, “aqui nós temos o que há de melhor, nós temos o que há de melhor como brasileiros e brasileiras, mas também nós temos um solo adequado, nós temos uma infraestrutura que está em conclusão, nunca vamos esquecer o que significa a Norte-Sul para o nosso País”.  Ela disse que tendo uma importante ferrovia cortando o estado, contribui para aceleramento e desenvolvimento da região.

Dilma disse que quando uma região se desenvolve o governo tem que levar condições a ela para que as pessoas se qualifiquem.

A Presidente antecipou que no início desta semana, em Brasília, vai criar a Universidade Federal do Araguaia, “que é para, de fato, dar força, dar instrumentos para que o interior do Brasil cresça. Eu considero que é uma das melhores iniciativas, obras que o meu governo e o governo do presidente Lula fez foi interiorizar as universidades e escolas técnicas por todo o Brasil”, disse ela.

A nova Universidade Federal deverá ser instalada a princípio no câmpus da UFT – Universidade Federal do Tocantins de Araguaína onde provavelmente terá também suas atividades iniciadas, se estendendo até o município de Tocantinópolis.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.