Nesta quinta-feira 7, o delegado de polícia civil Joelberth Nunes de Carvalho, titular da 1ª delegacia de Colinas do Tocantins concluiu o inquérito em que eram apurados os crimes de receptação, tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas e corrupção de menores, o qual resultou no indiciamento de Aline Bezerra Nascimento, pelo crime de associação para o tráfico de drogas, Joserley Ferreira Martins e Bruno Pereira Moreira por tráfico de drogas, Luiz Paulo da Silva Ferreira por receptação e tráfico de drogas, além de Thiago Araújo Pereira  e Richard Néri de Sá, que também foram indiciados por tráfico de drogas.

O delegado acrescentou que todos estão à disposição da justiça e que agora os demais atos estão por conta da Promotoria de Justiça da cidade de Colinas. Todos os indiciados, exceto Richard Néri Sá, foram presos no dia 09.04.2015, por volta das 17h15, em uma residência no Setor Santa Rosa, em Colinas, local onde foi montado pelo traficante Luiz Paulo da Silva Ferreira, um ponto de venda de drogas para os usuários daquela cidade.

Segundo o delegado, durante a investigação, a PC apurou que Luiz Paulo alugou a casa, juntamente com sua esposa Aline Bezerra, e começou a chamar alguns conhecidos e solicitou que estes o ajudassem na venda de maconha e craque, os quais recebiam parte da venda das drogas. Ferreira também chamou um conhecido, seu menor de idade para participar da venda de drogas e por isso, também foi indiciado por corrupção de menores.

O indiciado Richard Néri de Sá, não foi preso no dia, mas sua prisão preventiva foi representada pelo delegado que presidiu o IP e deferida pelo juiz criminal local, sendo preso, alguns dias depois.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.