Cleiton Alves Mendes, 30 anos, foi preso na tarde do último domingo, 24/05, na Praça Central de Barrolândia, portando uma arma de uso restrito.

O acusado teria realizado disparos próximo ao Assentamento Irmã Adelaide, e seguido para Barrolândia. Os policiais militares do 1º Batalhão foram acionados e promoveram diligências em busca do autor, o qual foi avistado na Praça Central. Este tentou fugir, jogando a arma em baixo de um carro estacionado no local, porém foi preso em flagrante.

A arma, um revólver Magnun, calibre .357, é de uso restrito de policiais militares, policiais civis, rodoviários federais e policiais federais, cujo porte é autorizado a esses agentes através da regulamentação da portaria nº 142, de dezembro de 2012, assinada pelo Comandante do Exército Brasileiro. O autor foi conduzido para a Casa de Prisão Provisória de Palmas, por se tratar de crime inafiançável.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.