eduardo siqueira campos
eduardo siqueira campos

O deputado Eduardo Siqueira Campos (PTB) realizou pronunciamento na sessão desta terça-feira, 26, durante sessão na Assembleia Legislativa, e questionou a atitude do Governo em propor a concessão da data-base de 2015 aos servidores do Quadro Geral em três parcelas, sendo que somente a primeira de apenas 1% seria paga neste ano.

“O Governo está em débito com 37 mil servidores e precisa apresentar uma proposta de reposição da data base melhor que apenas 1%”, afirmou.

Eduardo Siqueira Campos relembrou que quando o ex-governador Siqueira Campos reassumiu o Governo em 2011, encontrou a data-base de 2010 em atraso e foi necessária a negociação com os servidores e a gestão Siqueira Campos realizou os pagamentos. Eduardo Siqueira frisou que todas as reposições durante a gestão Siqueira Campos foram pagas e, mesmo o aumento de R$ 400 milhões na folha de pagamento de 2010 para 2011, não impossibilitou a quitação destas obrigações com os servidores.

O Deputado destacou que a data-base não encontra qualquer obstáculo na Lei de Responsabilidade Fiscal e demonstrou preocupação com a economia do Estado. “Se o Governo não fizer a reposição da inflação apurada no período vai deixar a economia do Tocantins em dissonância com o restante do País”, frisou.

O Parlamentar citou ainda a atuação das centrais sindicais, sempre combativas, e que irão defender sempre os interesses dos servidores. “Espero que o Governo encontre a solução e resolva esse problema dos 37 mil servidores”, disse.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.