Nove nomes confirmaram que irão concorrer a eleição suplementar para governo do Tocantins após cassação de Governador Marcelo Miranda e sua vice Claudia Lélis. Os pretensos candidatos devem oficializar os registros de suas candidaturas junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

As convenções partidárias serão realizadas neste sábado e domingo, 21 e 22 de abril, e o registro de candidatura pode ser feito até a segunda-feira, 23.  Veja quem já confirmou que irá concorrer às eleições suplementar:

Marcos Souza (PRTB)

Ataídes Oliveira (PSDB)

Carlos Amastha (PSB)

Márlon Reis (REDE)

Kátia Abreu (PDT)

Mário Lúcio Avelar (PSOL)

Mauro Carlesse (PHS)

Osires Damaso (PSC)

Vicentinho Alves (PR)

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.