No dia 27 de março, atendendo a uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral, o presidente da Assembleia Legislativa, Mauro Carlesse, assumiu, interinamente, o Governo do Estado do Tocantins. Prezando pela honestidade e pela transparência, o governador interino montou uma equipe de auxiliares levando em consideração as características técnicas de cada um deles. E os resultados desses sete dias úteis de Governo foram divulgados nesta sexta-feira, 6, em entrevista coletiva à imprensa, na sala de reuniões no Palácio Araguaia.

Os resultados podem ser conferidos abaixo:

1)   Enxugamento da folha de pagamento com economia de R$ 2 milhões aos cofres públicos;

2)   Pagamento dos servidores do Estado que recebem o valor líquido de até R$ 2.256,01 no quinto dia útil. São cerca de 33 mil servidores, o que corresponde a 63% da folha. O recurso vai estar disponível para saque a partir da zero hora deste sábado, 7 de abril. A previsão é de que todos os servidores recebessem no quinto dia útil já a partir do mês que vem;

3)   Pagamento de R$ 36.948.039,08 aos 139 municípios da cota do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Essa é a parte que cabe ao Estado, que vinha fazendo essa transferência constitucional obrigatória somente no dia 10 de cada mês;

4)   Opera Tocantins: A iniciativa, idealizada pela gestão Mauro Carlesse, faz parte do Programa de Aprimoramento da Gestão Hospitalar e visa realizar mutirões de cirurgias eletivas para atender pessoas que aguardam na fila. A Medida Provisória instituindo o programa foi assinada nessa quinta-feira, 5. Os procedimentos serão realizados nos 18 hospitais do Tocantins em dias específicos, fora do horário rotineiro de trabalho, aos sábados, domingos e feriados. Durante a semana, ocorrerão no período noturno/madrugada. Ao todo, a fila de espera por cirurgias eletivas conta com 5.547 pacientes.

5)    SOS Estradas: previsão de uso de R$ 42 milhões que já estavam em caixa na recuperação de rodovias estaduais. Previsão de início na segunda-feira, 9 de abril;

6)   Operação Força-Tarefa foi desencadeada nessa quinta-feira, 5, e consiste na união das polícias Civil e Militar e do sistema prisional em ações em todo o Estado. Foram intensificadas as abordagens de pessoas e veículos. Somente em Gurupi, 30 militares deixaram os quartéis e estão nas ruas para reforçar a segurança. Reforço também no monitoramento dos presos com tornozeleira eletrônica;

7)   Abertura do palácio aos gestores dos municípios durante todos os dias, inclusive no feriado da Semana Santa.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.