A candidatura ao Governo do Estado do ex-juiz criador da Lei da Ficha Limpa, o advogado Márlon Reis, foi confirmada neste sábado (21) em convenção da Rede Sustentabilidade. Em seu discurso, Márlon Reis reforçou o compromisso de sua candidatura, que é tirar o Governo do Estado da crise moral e econômica que enfrenta.

“Nossa candidatura representa a verdadeira mudança que o Tocantins precisa. A mudança moral, de honestidade, de combate à corrupção. A mudança que vai fazer a grande transformação na maneira de administrar o Estado. O Tocantins tem pressa e a hora dessa mudança de verdade é agora”, afirmou.

Entre suas propostas para o Tocantins, Márlon Reis quer fazer do Tocantins um Estado promotor do desenvolvimento, que trabalhe no apoio à classe empresarial, aumentando as potencialidades regionais para fortalecer a economia, gerando emprego e renda para a população. “A política do atraso é aquela que cria barreiras para o avanço da economia. A política do atraso é aquela que aumenta impostos e tira do povo, ao invés promover o desenvolvimento e melhorar a vida do cidadão. Nós queremos acabar com esse jeito de administrar o Estado. Com a gente o Tocantins terá uma política fiscal que incentive o progresso, que pense nas pessoas e fortaleça a economia. Temos os melhores projetos para levar o nosso Tocantins para o futuro”, reforçou Márlon Reis.

Sobre coligações partidárias, o escolhido pela Rede para disputar o Governo do Estado disse que as conversar continuarão até este domingo, quando a muitos partidos fazem suas convenções. “O que digo com certeza é que faremos nossas alianças respeitando o princípio básico, a honestidade”, revelou.

 

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.