Dois homens, de 36 e 25 anos, foram detidos na madrugada deste sábado, 31, na Quadra 402 Sul em Palmas, durante tentativa de furto a uma agência do Banco Bradesco. Na ação policial, foram apreendidos dois revólveres calibre 38, ferramentas e outros objetos usados no arrombamento.

Os policiais militares foram acionados pelo banco que detectou, por meio de câmeras, que havia pessoas no interior da agência. De imediato, com o apoio de militares da Força Tática, Comando de Operações Especiais (COE) e da Rondas Ostensivas Táticas Metropolitana (Rotam), as equipes iniciaram um cerco policial no local.

Ao perceberem a presença policial, os suspeitos tentaram fugir. Um deles conseguiu pular um muro, saindo da agência e entrando em um lote vago. Os militares fizeram varredura no local e quando encontraram o suspeito, este reagiu com disparos de arma de fogo, e, para conter a injusta agressão, os militares revidaram, quando o suspeito foi atingido em uma das pernas. Também enquanto tentava fugir, o outro suspeito foi rendido pelos militares na lateral da agência.

Em sequência, a equipe do Grupo de Operações com cães (GOC), com a ajuda de um cão farejador, localizou dois revólveres calibre 38 que tinham sido jogados no lote vago, ao lado da agência, durante a fuga dos suspeitos. Os revólveres tinham sido retirados de um cofre que fora arrombado dentro da agência.

O suspeito ferido foi conduzido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital Geral de Palmas (HGP). Já o segundo suspeito, os dois revólveres e os objetos usados no arrombamento foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.