A Polícia Militar prendeu na madrugada desta segunda-feira, 24, durante abordagem de rotina em um posto de combustível no Povoado Transaraguaia, município de Araguatins, um indivíduo acusado de corrupção ativa. O homem estava em uma camionete Toyota Hilux de cor prata, com placa de Cromínia-GO, e tentou subornar os policiais oferecendo dinheiro, depois que eles localizaram junto com o passageiro, que não portava documentos pessoais, a quantia de R$ 49.000,00 (quarenta e nove mil reais) e um cheque no valor de R$ 1.480,00 (mil e quatrocentos e oitenta reais) do Banco Bradesco.

A equipe da PM realizava patrulhamento no local quando identificou os indivíduos em atitude suspeita na camionete com placa de Goiás. O veículo e os dois ocupantes foram submetidos à busca veicular e pessoal, momento em que os militares encontraram com o passageiro a quantia em dinheiro e o cheque. A equipe identificou ainda que o homem não portava nenhum documento de identificação, e uma das cédulas do dinheiro localizado (R$ 100,00) estava manchada na cor rosa com dispositivo de segurança utilizado nos caixas eletrônicos.

O motorista do automóvel então começou a conversar com os policiais e ofereceu vantagem indevida (dinheiro), para determiná-los a praticar, omitir, ou retardar o ato de ofício. Eles pretendiam ser liberados sem maiores esclarecimentos. O indivíduo recebeu voz de prisão pelo crime de corrupção ativa, e juntamente com o proprietário do dinheiro e cheque apreendidos, foram encaminhados à Delegacia de Polícia na cidade de Augustinópolis, para os procedimentos legais cabíveis.

Compartilhar

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: jornalismo@nortedotocantins.com.br que iremos analisar.